O mundo está tentando engolir a Guatemala, com um buraco monstruoso atrás do outro. O último caso acordou no meio da noite a senhora Inocenta Hernandez, de 65 anos, e fez ela imaginar que um acidente de carro tinha acontecido. Não era isso. Era um buraco de 12 metros de profundidade abrindo bem embaixo de sua cama.

Tem um milhão de coisas erradas nesse caso. Se a cama estivesse posicionada um pouco para o lado, ela poderia cair nele ao pisar fora da cama. Mais um pouco para o lado e ela poderia ser engolida pelo buraco bizarro. E não podemos esquecer que na Guatemala, um passeio relaxante ou um jantar romântico podem terminar em um gigantesco buraco absurdo.

A Guatemala tem um histórico assustador de buracos assim, o mais famoso com 30 metros de profundidade e 18 metros de largura, conhecido como o buraco do inferno. [KTLA via Fark]