Esta é a NGC 7023. Também chamada de nebulosa Iris, uma imensa nuvem de pó com seis anos-luz de largura, ela está localizada na constelação Cepheus, a 1.300 anos-luz do planeta Terra. Pra mim, aqui mora Deus. Venha vê-la por dentro neste vídeo:

Tipo, se eu fosse Deus, eu iria morar aí: um apartamento bem-iluminado, com uma bela cozinha para cozinhar umas estrelas novas, e uma praia ensolarada. Mas como eu sou agnóstico, eu digo pra você que esta nebulosa é apenas um agrupamento titânico de partículas, grãos de pó de dez a cem vezes menores que grãos de pó da Terra. Ela não emite nada: a NGC 7023 apenas reflete a luz da HD 200775, uma superestrela próxima com magnitude maior que 7.

A nebulosa Iris foi descoberta pela primeira vez em 1794 por Sir William Herschel, e esta é a primeira foto de perto que temos dela, tirada pela Advanced Camera for Surveys do Hubble. Cientistas agora estão estudando a composição dela, formada por um composto de hidrocarbonetos desconhecido, usando a câmera infravermelho do Hubble. [Hubble]