Quem tem a sorte de morar na Ásia ou no oeste dos EUA – ou em algum lugar entre eles – foi agraciado por uma visão clara de um anel de fogo no céu. Ou, mais especificamente, um eclipse anelar. Perdeu o eclipse? Não se preocupe: nós escolhemos as melhores fotos.

Afinal, por que acontece o eclipse em anel, e por que ele é tão raro?

A resposta está ligada à Superlua que vimos há algumas semanas. Aquele espetáculo lunar ocorreu porque a Lua estava no ponto mais próximo à Terra, chamado perigeu. Mas como a órbita da Lua segue uma elipse, quer dizer que ela começou a se afastar da Terra. É o que aconteceu na noite passada: a Lua ficou pequena o bastante para não conseguir bloquear o Sol quando ela cruzou seu caminho.

A foto acima, por Joseph Tame, foi tirada no Japão. Ele na verdade tem um vídeo do eclipse solar, que você pode ver neste link.  Vendo todas as fotos do eclipse, o céu parecia sustentar um anel de fogo gelado. Ou mesmo um halo. De um jeito ou de outro, ficou incrível.

E Cory Poole, professor de ciências na University Preparatory School em Redding, Califórnia (EUA), preparou o vídeo abaixo em time-lapse, que em 60 segundos reúne 700 fotos capturadas pelo telescópio solar Coronado Solar Max 60 Double Stack.

Se você perdeu o espetáculo de ontem à noite, vá se preparando: o próximo eclipse anelar deve acontecer em 10 de maio de 2013, e mesmo se você não estiver no lugar certo para assisti-lo, você pode vê-lo na internet ao vivo. De repente os líderes mundiais pós-apocalipse de 2012 transformam a data em um feriado.

Vídeo por Cory Poole

 

Foto por AP

 

Na China (Foto por AP)

 

Nas Filipinas (Foto por AP)

 

Nas Filipinas (Foto por AP)

 

Foto por AP

 

No Japão (Foto por AP)