Ou seja, está mais para um bloco de notas eletrônico e um leitor de ebooks do que um tablet (apesar do nome). Ele tem uma "tela de toque altamente sensível, com 2540dpi". Um grande selling point do Eee Tablet, segundo a ASUS, é ele ser o perfeito acompanhamento para palestras, reuniões e aulas no século 21, permitindo ao usuário fazer anotações com facilidade, "como se estivesse escrevendo em um papel". Levando em consideração a quantidade de pessoas que estava interessada no finado Microsoft Courier, o conceito pode até vingar.

Especificações completas ainda não foram divulgadas, mas sabemos que a tela passiva TFT-LCD age como um e-reader, com apenas 0.1 segundo de virada de página. Apesar de ser mais voltado a estudantes e executivos do que um aparelho para entretenimento, ele tem uma câmera de 2MP. Wi-Fi está incluído (para baixar livros e apps), mas ele também consegue se conectar a um PC via USB, além de ter entrada para cartões MicroSD. [TechInStyle]