O ciclista olímpico Chris Boardman acredita que a sua bicicleta dos sonhos nunca será roubada — mesmo sendo bonita desse jeito. Ainda bem que ele diz que ela será comum em 20 anos.

O design tem um sistema de trava integrado que só pode ser ativado e aberto pelas impressões digitais do dono. A máquina é computadorizada e pode monitorar as calorias queimadas. Feita de fibra de carbono, ela terá até mesmo uma bateria para ajudar naquelas rampas mais acentuadas, sem contar os pneus autoinfláveis e antifuros.

Infelizmente, ainda não passa de um conceito, mesmo com Boardman afirmando que "ela poderia ser construída hoje se houvesse a intenção. Todas as tecnologias já existem, só não foram utilizadas em conjunto ainda". O futuro realmente está demorando. Na verdade eu estou esperando mesmo é pelo fim de semana. [Daily Mail]