A melhor parte de uma caçada é perseguir o alvo e ser mais esperto que ele, não matá-lo. Por isso a câmera KillShot permite a você trazer trunfos fotográficos depois de uma caçada, em vez de animais mortos.

A câmera foi criada por três irmãos – Randall, Daniel e Michael Gregg – e foi construída para ser bem parecida com um rifle para caça. Ela tem até mesmo uma mira telescópica com alvo marcado na lente – e de fato, esta é a lente da câmera, que filma e tira fotos.

Já existem câmeras – como a DigitalHunter – que se acoplam a rifles para filmar caçadas “de verdade”, mas nenhuma que deixe apenas a fotografia e tire os animais mortos da equação. A KillShot, no entanto, pode ser usada em caçadas – mas sem matar nenhum bicho.

Além de provar que o caçador conseguiu chegar perto o bastante do animal para acertá-lo, a câmera também documenta onde ele seria atingido, e se o tiro não acertaria outra pessoa próximo ao animal. Afinal, a última coisa que você quer é puxar o gatilho tendo o risco de atingir alguém próximo ao alvo. Então além de ser uma forma mais humana de caçar, ele também ajuda a ensinar medidas de segurança de rifle.

No momento, o KillShot existe apenas como um projeto do Kickstarter que procura arrecadar US$15.500 em fundos para realizar o projeto. E se você estiver interessado, precisa contribuir com pelo menos US$150 para colocar as mãos em um deles quando estiver disponível. Se for um sucesso, quem sabe veremos uma versão para acoplar em varas de pesca e desmentir – ou provar – aquelas histórias de pescador. [Harmless Hunter via Gizmag]