Apesar das grandes mudanças e de precisar de um tempo para se adaptar à parceria com a Microsoft, uma hora ou outra a Nokia entrará no mercado de tablets, o novo nicho obrigatório de toda empresa de tecnologia. Ao que tudo indica, no entanto, os finlandeses já vêm pensando nisso faz tempo, desde maio de 2010, quando uma patente de tablet foi criada nos Estados Unidos. Um aparelho com prováveis 9 ou 10 polegadas e com desenho parecido com o N8. Mas tudo indica que nós nunca veremos esse tablet em alguma loja.

Tudo indica que o protótipo era apenas um rascunho para um possível tablet com MeeGo, sistema que a Nokia fez juras de amor durante 2010, prometendo smartphones, tablets e até netbooks, mas que provavelmente ficará de lado após o acordo com a Microsoft. Com a entrada do Windows Phone 7 nos aparelhos da Nokia, o Symbian perderá cada vez mais espaço e o pobre MeeGo, que sequer chegou a ser lançado em algum aparelho, pode até não chegar no mercado.

Pelos cálculos do Engadget, baseados no tamanho da entrada de fones de ouvido de 3,5 milímetros, tratava-se de um protótipo de 9 ou 10 polegadas. O design das bordas e da barra superior não engana: ele era totalmente baseado no N8, o smartphone topo de linha da Nokia que, em maio de 2010 (data do arquivamento da patente), fazia barulho. Muita coisa mudou até então — o que não nos impede de aguardar o tablet da Nokia. 2012, talvez? [Engadget]