Não chame isso de um retorno. Já faz 11 anos desde o lançamento de Second Life, mas após todo aquele hype sobre mundo virtual, o “jogo” (não era bem um jogo, né?) foi deslizando lentamente para além da fronteira da consciência cultural. Hoje em dia, o Second Life é muito mais um motivo de piadas do que um legítimo ponto encontro de pessoas. A menos que você, assim como eu na semana passada, tenha um Oculus Rift por perto.

Leia a matéria completa no Kotaku: http://www.ktkbr.com.br/second-life-oculus-rift/


Os comentários estão desativados.