Há algumas semanas, a menor câmera de vídeo do mundo era do tamanho de um grão de sal grosso. Hoje, a menor câmera mal ultrapassa um milímetro.

Ela é fabricada pela Medigus, empresa de dispositivos médicos, e tem apenas 0,99mm de largura. Esta mera fração de milímetro representa muito em procedimentos médicos e de endoscopia. Com um sensor CMOS de 0,66 x 0,66mm, a menor das câmeras produz imagens com resolução de 45.000 pixels (cerca de 1/20 de um megapixel).

E o mais interessante é que um número crescente destas minicâmeras médicas são descartáveis. É meio estranho pensar que algo tão preciso e meticulosamente criado e fabricado seja logo destinado ao lixo, mesmo que o seja por bons motivos – em vez da “esterilização custosa, demorada e potencialmente danosa”, e porque a câmera entra no corpo das pessoas, o melhor é descartá-las. [Medigus via CNET]