A regra é clara nas compras feitas pelo Grupo de Vendas, Marketing, Serviços, TI & Operações, ou simplesmente SMSG da Microsoft. Com 46 mil funcionários distribuídos no mundo inteiro, um email assinado pelo CFO Alan Crozier passa a proibir a compra de “Mac e iPad” com recursos da empresa. Faz sentido?

Ninguém de dentro da Microsoft confirmou ou desmentiu a autenticidade do email, divulgado (e endossado) por Mary Jo Foley. A mensagem diz que novas compras com os fundos da divisão estão proibidas.

A Microsoft dá Windows Phones gratuitamente aos seus funcionários e meio que espera que eles usem as coisas da casa porque… né? Quando usam as do concorrente e, pior, pagas com dinheiro da empresa, fica uma situação meio constrangedora. É meio como se um cara que trabalha na Volks tivesse um carrão da Fiat bancado pelos alemães, ou um engenheiro da Samsung assistisse a novela no conforto de seu lar numa Bravia, da Sony. Aquele velho papo do “casa de ferreiro, espeto de pau”.

O email ainda informa que a presença de equipamentos Apple no SMSG é pequena… Sendo assim, por que a preocupação? E onde fica o conhecer o inimigo? O que você acha disso tudo? [All About Microsoft]