Todos nós somos cheios de manias com relação à música. Às vezes, você quer tanto ouvir alguma coisa que sai procurando desesperadamente (mas ainda assim feliz) cabos para ligar o smartphone ou o computador no rádio. Outras vezes, no entanto, você só quer colocar alguma coisa para tocar e não quer ter trabalho nenhum. O BeoSound Essence, da Bang & Olufsen, é para este segundo caso.

O BeoSound Essence é um sistema de duas partes. A primeira é um adorável controlador com formato de roda, para ser colocado numa parede da sua casa, numa localização conveniente (do lado da porta da sala, por exemplo). Este é um controle remoto e sua principal característica é a simplicidade. Quer colocar música para tocar? Toque nele. Quer pular uma faixa? Toque de novo. Você também pode ajustar o volume ou colocar no mudo. Simples assim.

beosoundessence_1

A outra metade do sistema é uma caixinha, que se liga ao seu sistema de som e fica escondida. É ela que se conecta a serviços como streaming via AirPlay ou via DLNA, Spotify Connect, QPlay e milhares de rádios do mundo inteiro, via internet. Há também um app chamado BeoMusic (para iOS e Android) que permite configurar o sistema de acordo com suas preferências. Você também pode colocar manualmente uma playlist, caso deseje.

Depois da configuração inicial, você pode usar o controle remoto na parede para colocar música para tocar no seu dia-a-dia. Gire a roda de metal para ajustar o volume. Ele tem um peso satisfatório e, mesmo girando facilmente, tem resistência suficiente para evitar que você estoure seus tímpanos acidentalmente. Dentro da roda, há um botão direcional circular. Aperte para cima para tocar, para baixo para pausar ou direita e esquerda para pular faixas. O sistema é extremamente responsivo, e a música tocada através dele soou bastante decente (apesar de que seria necessária uma audição mais longa para uma avaliação completa).

Também estão sendo lançados o BeoLab Transmitter 1 e o BeoLab Receiver 1. Isto essencialmente permite que você transforme produtos com fio num sistema wireless que pode ser controlado pelo sistema. Um transmissor pode enviar sinal para até oito receptores. O transmissor já está disponível e custa US$525. Os receptores serão lançados em fevereiro, ao preço de US$265, e você precisará de um para cada coisa que quiser conectar, claro. Ou seja, dá para programar sua casa inteira para tocar música, mas isso vai ficar muuuuito caro.

beosoundessence_2

O BeoSound Essence (a parte que você vê) é uma adorável pecinha de hardware. É pequena o suficiente para caber na palma da sua mão, mas, claro, é melhor colocá-la na parede. Ela funciona com pilhas AAA, e a B&O estima que elas duram um ano e meio sem trocar. Parece uma projeção otimista. O controle realmente parece ser um item tecnológico de topo de linha, mas não tem a cara de um típico equipamento de áudio. Ele se parece mais com uma obra de arte moderna minimalista. Para aqueles que já conhecem a B&O, isto não é uma surpresa. Eles são uma empresa de áudio que tem o design como centro do que faz, com foco em fazer coisas bonitonas, dignas de serem mostradas para os amigos. E, claro, isso tem um preço premium. O BeoSound Essence tem preço sugerido de US$ 1.000, mais outros US$200 para cada controle remoto adicional. Ai, essa doeu.

Ele não chega a ser totalmente diferente do SoundTouch da Bose, que nós vimos no final do ano passado, mas é um tanto mais simples e elegante. Ele é realmente destinado a pessoas que querem alguma coisa que pareça supersofisticada. Dito isso, o sistema funcionou muito bem, e, se você está pensando num jeito mais fácil de ouvir música em casa (e tem algum dinheiro para torrar), este sistema é para você. [B&O]