Alguns homens compram bonecas sexuais sofisticadas e ultrarrealistas, escolhendo modelos de rosto, tipos de corpo, tamanhos de busto e até inserindo sensores que as fazem gemer. Mas esta é a primeira vez que eu ouvi falar de um homem clonando a ex-namorada em silicone.

Porque alguém iria querer ter um clone inerte de uma fonte de dor sentimental, eu não sei, mas isto aconteceu na Itália. Depois que a namorada dele o deixou, um homem de 50 anos levou várias fotos dela para o fabricante de brinquedos adultos Diego Bortolin e pediu para que ele a reproduzisse. Ele queria uma cópia exata da loira de 1,60m e 58kg, exceto por um detalhe: "Eu queria exatamente que nem ela, mas com seios maiores".

Normalmente, Bortolin vende as bonecas de silicone dele, com esqueletos completamente articuláveis de metal, por US$5.000 cada. Desta vez, no entanto, o senhor abandonado teve que pagar US$18.000. O motivo, de acordo com o fabricante: "Nós tivemos que copiar tudo, até mesmo o formato das unhas e dentes dela".

Quem sabe agora ele possa falar com Zoltan e fazê-la falar com um pouco de inteligência artificial. Mas, como diz Bortolin, "ela agora é a namorada perfeita, na minha opinião". [The Sun e News.com.au]