Eles inventaram a memória flash, então nada mais apropriado que eles chegarem primeiro em outro marco da memória NAND: a primeira com 128GB de capacidade. Pense em quanta mídia você poderia armazenar no seu próximo celular!

Ele espreme 16 chips NAND de 64 gigabits num mesmo módulo, e deve ser vendido para as fabricantes em setembro. Será que ele chega nos celulares em breve? Ou iPods, quem sabe? [Toshiba via CrunchGear]