Telas e-ink podem não ter a mesma beleza de uma LCD ou AMOLED, mas contam com uma carta na manga: elas economizam bateria e não matam sua carga em poucas horas. E, convenhamos, as cores e a densidade de pixels não são lá tão importantes assim para checar o email ou ler um texto. Pensando nisso, a Oaxis criou o InkCase Plus, uma tela e-ink para você acoplar ao case do seu smartphone.

Não é a primeira vez que alguém tenta sacramentar o casamento entre este tipo de tela e os smartphones: o YotaPhone 2, anunciado no começo desse ano, tem duas telas, uma LCD e uma e-ink. Mas o InkCase Plus quer ir além disso, como explica G-Jay Yong – CEO da Oaxis – para o TechCrunch:

“O YotaPhone está tentando criar um aparelho dual screen, com uma tela na frente e outra atrás, de maneira que você não pode tirar uma das telas. Você não pode colocar as duas lado a lado”, diz G-Jay ao TechCrunch. “Você só tem a opção de usar ou o painel e-ink ou o LCD.”

“O que nós estamos criando é um dispositivo universal que pode se ajustar a qualquer aparelho. Então, se você está usando um Samsung Galaxy S5 ou S4, você não precisa trocar de celular. Você pode apenas colocar um InkCase Plus nele. E nós podemos usar as duas telas lado a lado — por exemplo, quando você está vendo um vídeo no YouTube e há mensagens ou notificações chegando, você pode ler tudo isso no InkCase Plus.”

O InkCase Plus não tem touchscreen, mas três botões dão um bom leque de possibilidades de uso, como atender chamadas ou usar a tela como controle remoto para a câmera do seu smartphone. Ele não roda Android, mas sim um sistema próprio, o que quer dizer que desenvolvedores terão que criar aplicativos específicos para ele — algo parecido com o que acontece há um tempo com o Pebble. Hoje, há apenas três: um para colocar fotos e usar o InkCase Plus como capinha personalizadas, um e-reader e um computador para bicicletas, que você pode ver no vídeo acima.

A Oaxis colocou o projeto no Kickstarter e já garantiu os 100 mil dólares para levá-lo adiante. As telinhas começam a chegar em outubro, e quem colaborou com US$79 já garantiu a sua. Você gostaria de ter uma tela e-ink no seu smartphone? [Kickstarter via TechCrunch]