O cineasta e nerd de ciência James Cameron viajou até as Fossa das Marianas, a parte mais profunda da Terra. A última vez que alguém tentou isso foi em em 1960, quando o oceanografo suíço Jacques Piccard e o americano Don Walsh ficaram por 20 minutos no local. Cameron mergulhou durante três horas — em uma fossa que fica a incríveis 11.034 metros abaixo do nível do mar.

Cameron viajou sozinho em um submarino de um homem só chamado Deepsea Challenger. A pequena embarcação — que Cameron chama de “torpedo vertical” — consegue aguentar a altíssima pressão do mar profundo. Então ele é o rei dos malucos ou é só um curioso? Talvez as duas coisas, mas ele tem o direito de se explicar:

Eu cresci numa dieta firme de ficção científica em um tempo em que as pessoas estavam vivendo uma ficção científica real. Pessoas iam para a Lua, e Cousteau explorava o oceano. E foi assim que eu cresci, e é isso que eu valorizei de minha infância.

Cameron pretende lançar um documentário com as filmagens de sua jornada, e também coletará amostras para estudos científicos. A viagem pode ser longa e difícil, mas sem dúvida é mais fácil do que viajar para a lua de Pandora. [Imagem via AP]