Ele é compatível com as redes 3G HSDPA 900 e 2100, além da GSM 850/900/1800/1900. Sua tela é de 3′, com resolução de 240 x 400 pixels e 262 mil cores. Conta também com GPS, Wi-Fi 802.11b/g e Bluetooth 2.0 A2DP estéreo, acelerômetro, câmera secundária para vídeoconferências (com resolução VGA), rádio FM com RDS, saída de vídeo para TV, som Dolby e um player de arquivos DivX, XviD e AVI. A memória interna do aparelho é de 100MB, mas é possível utilizar cartões microSD de até 8GB, o que certamente melhora muito a questão de armazenamento de dados.

O Renoir não é um aparelho tão pequeno, mas pesa somente 110 gramas. Ele fica muito bem no bolso, tem um acabamento muito bom, além de ter um hardware bem construído e robusto.

Como muitos outros celulares com tela sensível, o Renoir tem um acelerômetro, que permite que você rotacione a tela para facilitar a digitação de e-mails ou visualização de imagens, além de contar com uma pequena vibração durante a digitação em sua tela (haptics), o que é uma funcionalidade muito boa. Vale lembrar que a digitação no modo paisagem é muito fácil e rápida.

Apesar de possuir um GPS, não existe um programa completo para a utilização deste recurso, então o jeito é usar o Google Mapas. Dá pra fazer o geotagging das fotos por ele, o que pode não ser o ideal, mas certamente ajuda.

De uma forma geral o aparelho é muito completo, e apesar de não ser um Smartphone, apresentou um excelente desempenho na maioria das tarefas mais comuns como acessar a web, enviar mensagens, e-mails e, é claro falar!! Agora, o ponto que merece maior atenção neste modelo com certeza é a sua excelente câmera, que tem uma qualidade e desempenho impressionantes, somente comparável ao Nokia N82.

A câmera possui uma tampa protetora e conta com as ótimas lentes da grife Schneider-Kreuznach, flash Xenon, estabilizador de imagem, sensor de sorriso e piscadas, foco automático, imagens panorâmicas, função macro, zoom digital de 16x e sensibilidade de até 1600 ISO, o que ajuda muito nas fotos em locais com luminosidade reduzida. Além do foco automático, é possível determinar o foco com o dedo na tela, o que ajuda a obter o foco correto em suas fotos.

Outro ponto interessante é a possibilidade de edição de fotos e vídeos no aparelho, com a ajuda de um aplicativo nativo, que permite que você faça a edição, inclusão de áudio, efeitos e legendas, tudo sem precisar do computador. A gravação de vídeos também apresentou uma ótima qualidade, com taxa de 30 frames por segundo, além de ter uma boa captação do áudio ambiente.

O áudio do aparelho também é muito bom, apesar da sentida falta de uma entrada padrão de 3,5mm, mas mesmo com este pequeno deslize o aparelho é um bom player para MP3.

O LG Renoir tem recursos suficientes para a maior parte dos usuários comuns, mesmo não sendo um smartphone de verdade. É uma ótima escolha para quem quer um celular para tirar fotos e fazer vídeos, aposentando a velha câmera digital portátil.

O preço dele fica entre R$ 600 e R$ 1.399, dependendo do plano escolhido pelo cliente e da operadora.

Pro

  • Teclado bom para digitação
  • Acelerômetro muito rápido
  • tela sensível com haptics e resposta excelente
  • leitor de rss
  • fácil de operar
  • câmera excelente para fotos e vídeos
  • flash xenon excelente
  • player de áudio com bom som
  • gravador de voz
  • pode ser carregado pela porta USB
  • possui bluetooth e wi-fi
  • gravador de vídeo muito bom

Contra

  • poderia ser um pouco mais fino
  • os fones de ouvidos são muito bons, mas faltou uma entrada padrão 3,5mm
  • entrada padrão da LG para acessórios e ligação com o PC
  • incompatível com Mac (precisei passar as fotos via Bluetooth)

[RodrigoToledo]