O Firefox 4 Beta chegou com uma nova interface, o Google Chrome segue ficando mais popular, e o Opera tem uma nova versão com novo visual. Vamos ver qual dos navegadores usa melhor a sua tela sem desperdiçar espaço.

Nota: você pode personalizar os navegadores – como o Firefox – para maximizar sua área útil. Mas se você quiser um navegador com interface mais leve direto da caixa, estas são as suas opções.

Para esta comparação, usamos a versão mais recente de cada navegador: Firefox 4.0 Beta 2, Safari 5, Chrome 6.0 dev, Opera 10.60 e Internet Explorer 8. (Apesar de a versão preview do IE9 já estar disponível, ela não tem uma interface utilizável ainda, então não seria justo incluí-la.)

Para manter tudo consistente, nós escondemos a barra de favoritos, e mantivemos todas as outras configurações no padrão. A única grande diferença é que o Internet Explorer, Opera e Firefox têm barra de status, enquanto o Chrome e o Safari não têm – mas vale lembrar que o Chrome exibe uma pequena barra de status quando você passa o mouse por um link. Nós poderíamos ter desativado a barra de status no Internet Explorer, por exemplo, mas aí perderíamos a função de passar o cursos pelo link para ver a fonte.

Quem usa Firefox vai logo dizer que consegue maximizar a área útil com algumas configurações e temas. Não há dúvida que a personalização do Firefox vai longe e pode levar a uma configuração otimizada para telas pequenas, mas para o propósito desta comparação nós usamos a interface padrão – fora que muitos add-ons para a interface ainda não estão funcionando no Firefox 4.

Navegador em janela, vencedor: Chrome

Quando se trata de utilizar pixels na tela ao mínimo, a interface simples do Google Chrome fica à frente dos outros na configuração padrão. Mesmo se você esconder a barra de status no IE, Firefox ou Opera, a diferença em pixels ainda é grande.

Navegador maximizado, vencedor: Chrome

Depois que você maximiza os navegadores, a diferença entre eles se torna ainda mais clara: o Google Chrome usa pouco mais que a metade dos pixels do Internet Explorer.

Navegador em tela cheia, vencedor: Firefox

No modo tela cheia, todos os navegadores ocupam 100% da altura da tela, mas os grandes vencedores são o Firefox e Internet Explorer – já que você pode levar o mouse para o topo da tela e as barras de ferramentas surgem para facilitar a navegação. O Opera e o Chrome não fazem isto, e vale notar que o Safari nem tem um modo tela cheia que seja possível ativar facilmente.

Navegador com abas laterais, vencedor: Chrome

O Opera e o Google Chrome vêm ambos com opções embutidas de mover as abas para uma barra lateral. No Opera ela pode ser ativada na própria interface, enquanto no Chrome isto exige uma linha de comando no atalho do programa, mas abas verticais são uma função útil que podem ajudar a maximizar o espaço na tela. Se você usa o Firefox, basta instalar a extensão Tree Style Tab para deixar as abas na lateral, mas tivemos problemas com ela no Firefox 4 – e a função não é embutida – então não o incluímos aqui.

Está claro pelos números que a interface do Chrome é a melhor escolha direto da caixa se você estiver usando uma tela menor, mas se você quiser passar um tempinho mexendo no Firefox, provavelmente vai obter uma configuração que usa ainda menos pixels.

Se você usa uma configuração personalizada do Firefox, compartilhe-a com a gente nos comentários seguindo estas instruções: dê um print-screen, salve a imagem e faça upload em um serviço como imgur.com ou ImageShack, e use o código abaixo para inseri-la nos comentários (com aspas!):

<img width="600" src="http://www.imagem.com/URL_da_imagem.jpg">


E você? Que navegador você usa quando quer aproveitar o máximo da tela do seu laptop ou netbook?