Querido Lifehacker,

Solid-state drives (SSDs) são caros e discos rígidos (HDDs) são lentos. Agora que podemos comprar um híbrido dos dois, existem muitas escolhas com custos variáveis. Qual tipo de drive é o melhor investimento?

Cordialmente,
Disconfundido

Querido Disconfundido,

O melhor custo benefício irá depender das suas necessidades. Você basicamente tem quatro opções e para saber qual delas é a melhor para você, vai depender de quanto você está disposto a gastar, quanto espaço você irá precisar e quanto você valoriza a velocidade. Vamos dar uma olhada nas opções para descobrir qual a melhor no seu caso.

Caso #1: Custo é irrelevante, eu tenho pouca necessidade de espaço e velocidade é fundamental

Se o custo não importar e sua necessidade de espaço não for significativa, um SSD é a melhor opção. Nós frequentemente discutimos que é o melhor upgrade que você pode fazer em termos de melhorar a velocidade da sua máquina, e isso não é algo que você possa subestimar. Apesar de SSDs serem caros, um drive de 256GB irá custar um pouco mais de US$1 por gigabite, se você tiver quem traga pra você dos EUA, e é um investimento que vale a pena.

Caso #2: O custo é irrelevante, eu tenho uma grande necessidade de armazenamento, e velocidade é importante

Se você precisa igualmente de muito espaço e velocidade e tem bastante dinheiro, você pode optar por um SSD e um HD. Isso é normalmente uma solução bem simples para pessoas com computadores desktop, já que elas podem escolher um SSD pequeno para guardar seus aplicativos e arquivos de sistema enquanto utilizam um HD muito maior para guardar todo o resto. Como arquivos do sistema não necessariamente ocupam muito espaço, você pode facilmente sobreviver com um SSD pequeno, se o seu outro HD tiver espaço suficiente.

Quem usa laptop terá mais problemas, já que a maioria dos laptops tem apenas uma baia para disco rígido, mas se você não precisar do seu drive óptico, existem maneiras de instalar um SSD no lugar dele. A maioria dos usuários de laptop terá que fazer este sacrifício para usar ambos, mas se o drive óptico for importante, você pode considerar apenas complementar seu SSD com um drive externo. O meu laptop tem um SSD de 256GB, e isso é suficiente para praticamente tudo que eu uso regularmente, mas eu tenho um drive externo de 500GB USB 2.0 sempre a mão para editar vídeos e lidar com outros arquivos grandes que não precisam ficar guardados no meu disco principal. A combinação dos dois tipos de drives funciona bem, sejam eles ambos internos ou que um deles fique do lado de fora da sua máquina.

Caso #3: Eu tenho limitações no orçamento, preciso de muito espaço e velocidade é irrelevante

Se você precisa de muito espaço e não tem muito dinheiro, a resposta fácil é escolher um disco rígido padrão. Eles ainda são a opção mais barata por ai e você pode ter muito espaço pelo que gasta. Se tiver dinheiro suficiente, gaste com um de 7200RPM e cache grande. Isso te dará um pouco mais de velocidade e não irá custar muito mais.

Caso #4: Eu tenho limitações no orçamento, preciso de muito espaço e velocidade é importante

Se você quiser ter todas as vantagens, não vai conseguir. Não existe uma solução perfeita. Dito isto, existe um drive híbrido que contém um SSD pequeno (cerca de 8GB, na maioria dos casos) usado para fazer cache dos arquivos usados com frequência e um HD padrão que fornece bastante espaço. Esses drives são mais caros do que os HDDs normais, mas eles são muito mais baratos que a maioria dos SSDs. O espaço em disco que você irá ter em comparação com um SSD pelo mesmo preço também é muito maior. Basicamente, se você precisa guardar um monte de arquivos e ainda melhorar a velocidade gastando pouco, o drive híbrido é a melhor solução. Dito isto, você deve saber que você não estará comprando um SSD. Em muitos casos, o drive irá se comportar como um HD porque é isso que ele é, em primeiro lugar. Então, contanto que você tenha expectativas realistas, você ficará satisfeito com o resultado.

Atualmente não tem muitos drives híbridos disponíveis, já que a tecnologia é bem nova. No Brasil por enquanto ainda é bem difícil de encontrar porque a procura também não é muito grande. Eu acho que a Seagate foi a primeira empresa a lançar esses drives no mercado. Se tiver como pedir para o seu tio trazer dos EUA, você pode pegar um drive híbrido de 750GB da Seagate por cerca de US$170. Isso é US$70 a mais do que um SSD de 8GB. A OCZ também fabrica um drive híbrido de 1TB que pode ser instalado em uma entrada PCIe, mas os reviews não são tão bons e custa um tanto a mais. Você definitivamente paga mais caro por um SSD em um híbrido, mas se você precisa de mais espaço e só tem lugar para um único drive, eles são uma alternativa.


Esperamos que em breve os SSDs estejam mais baratos, com mais espaço para armazenamento e sejam o padrão para a maioria dos computadores. Até lá, você terá que abrir mão de alguma coisa, mas alguma das sugestões acima deve funcionar no seu caso.

Abraços,
Lifehacker.