A Microsoft comprou a divisão de celulares da Nokia, mas desistiu de fazer celulares simples. Então como conquistar a faixa low-end de aparelhos baratos? Com o sucessor do Lumia 520, é claro.

O Lumia 530 será lançado na Europa pelo equivalente a R$ 250 (€85). Seu antecessor chegou ao mercado europeu custando cerca de R$ 350 (€139). Quais as diferenças entre eles?

O Lumia 530 conta com processador Snapdragon 200 quad-core de 1,2 GHz, mais rápido que o chip dual-core de 1 GHz no modelo anterior.

No entanto, ele mantém os 512 MB de RAM, mínimo exigido pelo Windows Phone 8, e agora tem só 4 GB de espaço interno. É que a versão 8.1 permite instalar quaisquer apps no cartão de memória, então isso não deve ser um problema.

lumia 530 (3)

A tela mantém suas 4 polegadas, e agora conta com botões virtuais para Voltar, Home e Pesquisar. São 480 x 854 pixels. No entanto, ela deixou de lado o painel IPS para usar um display TFT comum, o que pode limitar os ângulos de visão.

O sensor de proximidade também foi removido: por isso, não há controle automático de brilho. Em ligações, a tela desliga quando seu rosto/orelha toca a touchscreen.

A câmera ainda tem 5 megapixels com sensor de 1/4″, mas agora tem foco fixo (em vez de automático) e só grava vídeos a 480p (o Lumia 520 grava vídeos em HD). Não há flash nem câmera frontal, assim como antes; mas o botão dedicado da câmera foi removido.

A bateria ainda tem 1430 mAh, mas o novo celular é um pouco mais grosso (11,7 mm, contra 9,9 mm); ele tem 129g.

lumia 530 (2)

Para quem esperava uma evolução maior, o Lumia 530 pode não ser muito interessante; mas ele se encaixa muito bem na estratégia da Microsoft de levar o Windows Phone a preços ainda mais baixos. Quem quiser um modelo melhor pode comprar o Lumia 630, com ClearBlack Display, processador mais rápido e bateria maior.

O Lumia 530 será lançado em versões de um chip e dual-chip (nenhuma delas é 4G), nas cores laranja, verde, branco e cinza escuro. Ele “estará disponível globalmente”, chegando ao mercado europeu em agosto. Ele também deve chegar ao Brasil em agosto, na versão dual-SIM e nas cores cinza e branco. [Nokia Conversations via The Next Web]