Depois do LinkedIn, agora é a vez do Last.fm: o próprio serviço avisou hoje aos usuários sobre um vazamento de senhas. Eles sugerem que isto pode estar relacionado a outros vazamentos recentes, e recomendam: mude sua senha agora mesmo.

O Last.fm não dá mais detalhes sobre o vazamento: apenas diz que está investigando, e recomenda que você crie para o Last.fm uma senha diferente da que você usa em outros sites. Assim, um vazamento do Last.fm não lhe afeta em outros serviços.

Além disso, o LinkedIn confirmou ontem que várias senhas realmente vazaram. A rede social diz que elas já foram invalidadas, mas você pode usar esta ferramenta do LastPass para ver se há alguma senha sua rodando pela internet. Os usuários do LinkedIn afetados pelo vazamento receberam um e-mail instruindo-os a mudar a senha.

Se você usa a mesma senha entre diversos serviços, pare com isso. Use senhas longas, misture letras e números e use um serviço como o LastPass para gerenciá-las. Veja aqui como começar a usar o LastPass.

[Last.fm via The Next Web; LinkedIn via Lifehacker]