21 de agosto de 2011, o dia em que o bilionário Michael Dell entrou em uma briga com alguém da HP, provavelmente algum pobre estagiário de mídias sociais que trabalhou neste final de semana, porque a HP vai sair do ramo de hardware para consumidores.

A imagem acima, compilada com screenshots tirados pela CNET, mostra Michael Dell dizendo “Adeus, HP, pena que você não quer ficar mais no ramo de PCs… mas nós queremos mais do que nunca.” Ao que a HP retruca: “Não tão rápido, @MichaelDell. Ainda somos a fabricante número 1 do mundo” e oferece um link para o blog da HP, dizendo “Estamos 100% comprometidos”. Ao que Dell questiona esse comprometimento: “Com mudança de mãos para dono desconhecido , com estratégia desconhecida, em um momento futuro desconhecido”.

Dell também tuitou antes, em 18 de agosto, chamando a decisão da HP de “divórcio” e brincando que a divisão separada de hardware deveria se chamar Compaq (empresa que a HP comprou em 2002). A HP deve monitorar o que dizem sobre a empresa, e deve ser difícil ignorar quando seu concorrente direto solta críticas tão diretas assim. Por enquanto, os tweets não foram deletados. [@HP e @MichaelDell via CNET]