Solte um fósforo aceso na água e ele será imediatamente apagado. Mas motores de mini foguetes, feitos principalmente de nitrato de potássio, enxofre e carvão, irão queimar por inteiro mesmo estando completamente submersos. Como este vídeo em câmera lenta nos mostra, para testar a apatia de um motor de foguete no H2O, é preciso encontrar alguma coisa mais forte do que um aquário de vidro para realizar o experimento.

• Este vídeo mostra toda a beleza dos túneis do metrô de Londres
• Como fazer uma fogueira com um saco cheio d’água

O canal do YouTube Warped Perception tem gravado motores de mini foguetes há alguns meses com câmeras de alta velocidade, revelando exatamente como eles queimam e o que os faz serem tão potentes. Na maior parte, este experimento parecia ser bem tranquilo, com o motor do foguete apenas agitando a água enquanto queimava. Mas uma vez que a carga de detonação do motor se vai, que é utilizado para ejetar os paraquedas ou ativar outros estágios, o aquário instantaneamente quebra em milhares de pedacinhos. É uma total liquidação do material, mas o vídeo em câmera lenta com a explosão valeu a pena o prejuízo.

[YouTube]