Hoje a Nokia anunciou aparelhos de todas as plataformas em que aposta: um Symbian de 41 megapixels, o Nokia Lumia 610 com Windows Phone Tango, e três aparelhos da linha Asha – aqueles mais simples e baratos, que rodam Series 40 (não é Symbian). Os Asha 202 e 203 vêm com o equivalente a €75 (R$170) de jogos da EA – só que os aparelhos custam €60 (R$140) cada. E o Asha 302 tem 3G, processador de 1GHz e custa menos de €100, ou pouco mais de R$200.

O Nokia Asha 302 tem teclado QWERTY e suporte a Mail for Exchange, uma função bem avançada para um aparelho tão simples. Fora seu processador de 1GHz e suporte a 3G, ele não tem muitas novidades. Ele já está disponível por €95 (R$220) na Europa.

Por sua vez, o Asha 202 é dual-SIM, ou seja: você pode usar dois chips nele – e o segundo chip pode ser trocado sem desligar o celular. O Asha 203 é praticamente idêntico ao 202, mas só aceita um chip SIM. Ambos têm touchscreen resistiva de 2,4 polegadas, e teclado simples (não é QWERTY). Os dois aparelhos estarão disponíveis no segundo trimestre por €60 (R$140).

A série Asha roda Series 40, um sistema para dumbphones que roda apps em Java e vem com vários serviços da Nokia, como Nokia Maps (sem GPS), Nokia Browser, Nokia Messaging e Nokia Social 2.0. Os modelos 202 e 203 serão os primeiros aparelhos com Series 40 a rodar jogos da EA, e por 60 dias você poderá baixar 40 jogos – como Tetris, Need for Speed: The Run e Bejeweled – nos dois aparelhos, e sem pagar a mais por isso.

O foco da linha Asha é no preço, mas vale notar que, no Brasil, a linha Asha custa em reais um pouco mais que os preços convertidos do euro. Por exemplo, o Asha 303, anunciado em outubro a €115 (R$260), custa até R$499 no Brasil. Mas os novos aparelhos de hoje são ainda mais baratos, e esperamos vê-los por R$400 ou menos quando chegarem ao Brasil. [Nokia via The Verge]