Nosso hands-on com o Nokia 5800 XpressMusic “Tube” foi bem conclusivo: o aparelho é um solido, competente, mas de algum modo inexpressivo telefone de música. Para uma primeira tentativa em uma interface de toque integral, porém, o sistema operacional S60 adaptado é de fato muito bom. O Slashphone divulgou uma montanha de clipes que mostram as diferentes funções do sistema. Assim, você pode fazer seu próprio julgamento, mas, como no nosso vídeo de hands-on, você terá que tentar ignorar os malditos toques que repetidamente não são registrados, o que ocorre sempre que a tela não é pré-renderizada.

As ferramentas sociais são muito funcionais, mas não sei até que ponto as pessoas terão saco para montar feeds de inutilidades para seus amigos.

Empolgado para usar seu 5800 com Flickr, YouTube ou Facebook? Bem, a Nokia tem um tipo de clone para você, acho.

E, finalmente, o “recurso” mais comentado: duas styluses (styli?) – uma palheta de violão e uma caneta tradicional. As fabricantes deveriam ser obrigadas a chamar esse negócio de “telefone com tela sensível a cutucadas”.