Quando anunciou o iPhone X, a Apple elevou as expectativas (e o preço) de celulares topo de linha para muito além do que já vimos. Agora, o Google tem a chance de contra-atacar com sua nova linha de celulares que não apenas mostrarão como a empresa amadureceu enquanto fabricante de hardwares, mas também o que devemos esperar do Android Oreo. E com um a experiência e o desenvolvimento de um ano todo (incluindo um monte de novas propriedades intelectuais e funcionários) sob a manga, o Google não pode se atrapalhar com a segunda geração de Pixels.

Conheça os novos Pixel 2 e Pixel 2 XL

Assim como no ano passado, o Google lançará dois novos celulares em 2017, o menor, o Pixel 5, com uma tela em full HD de 5 polegadas, e o maior, o Pixel 2 XL, com uma tela de 6 polegadas.

Ambos os celulares sairão da fábrica já com a última versão do Android Oreo, além também de um processador Snapdragon 835, 4 GB de RAM e opções de 64 e 128 GB de armazenamento. Infelizmente, uma coisa que não teremos é a entrada de fone de ouvido padrão de 3.5mm, já que tanto o Pixel 2 quanto o Pixel 2 XL terão apenas uma única entrada USC-C em sua base, e, assim como a Apple, o Google também incluirá um adaptador USB-C para 3.5mm na caixa.

Design

O modelo em preto e branco estará apenas disponível no Pixel 2 XL.

Um dos principais pontos negativos dos Pixels originais eram o seu design. E parece que o Google não vai abandoná-lo tão cedo, já que a companhia continuará com a traseira de dois tons de cores que se tornaram marca registrada dos aparelhos. Nela, um terço do topo da traseira dos celulares traz um brilhante painel de vidro onde fica a câmera, enquanto os dois terços restantes do aparelho são construídos de alumínio e trazem o leitor de digitais em seu centro. Dito isso, parece que desta vez a empresa prestou mais atenção ao visual como um todo, com ambos os celulares trazendo um estilo mais curvado e aperfeiçoado, além de novas opções de cores que vão de “Meio Azul” a um modelo em preto e branco do Pixel 2 XL que lembram um panda.

Na frente, as largas bordas do Pixel original foram reduzidas significantemente, dando ao Pixel 2 XL uma cara mais moderna que se encaixa melhor aos aparelhos de 2017.

Novas funções

Tanto o Pixel 2 quanto o Pixel XL 2 terão telas POLED para cores mais vibrantes e pretos mais escuros, bordas mais finas e uma nova proporção de tela widescreen de 18:9.

A aparência renovada do Pixel 2 não é tudo, já que ambos os celulares receberam importantes novas funções, como a resistência à água IP-68 (eles podem ficar até 30 minutos submersos a um limite de até 1,5m), Bluetooth 5.0 e novos alto-falantes duplos frontais. Para os fãs do antigo Nexus 6P, estes alto-falantes remetem ao tempo em áudio de qualidade eram um função importante para celulares, especialmente agora que temos alto-falantes mono como os do Galaxy S8 e LG V30.

Os smartphones virão com um display POLED com polarizador interno que permite aos usuários verem a tela perfeitamente quando usam óculos de sol, além de uma nova proporção de tela widescreen de 18:9. E como os displays OLED não gastam energia quando mostram a cor preta, o Google adicionou uma nova função Always-on aos Pixels.

A empresa também trouxe o sensor de pressão presente no HTC U11 para o Pixel 2, desta forma, você pode apenas apertar os lados do celular para acessar a Assistente Google.

E, é claro, ele não seria um Pixel se não falassem da câmera. Tanto o Pixel 2 quando o Pixel 2 XL trazem uma única câmera de 12 MP na traseira que combina a abertura de f/1.8 com estabilização óptica da imagem e algumas melhorias de software para entregar o que a galera do DxO afirma ser a melhor câmera já feita para um celular. Ele também tem um novo modo de retrato que registram imagens com o fundo super desfocado, semelhante ao que pode ser feito com boas câmeras DSLR ou mirrorless.

Mudanças no Android Oreo

Além destas novas características na parte externa, o Pixel 2 e o Pixel 2 XL também receberão algumas funções internas graças a nova atualização do Google Android, que traz um renovado layout da home screen aos Android puros. Em vez dos tradicionais ícones de início rápido na base da tela inicial, a primeira coisa que você verá com o Android Oreo é a nova barra de busca do Google, acima dela os ícones de início rápido, e acima dos ícones o launcher do Pixel. Isso tornará mais fácil de iniciar uma busca.

O Google também trará novos adesivos em realidade virtual exclusivos para os smartphones Pixel, que permitem ao usuário usar a plataforma ARCore do Google para adicionar objetos ao visor da câmera. Adesivos em realidade virtual trarão personagens de Stranger Things, da NBA e outros. A outra função exclusiva do Pixel é a nova função Lens, que permite identificar objetos (ou monumentos) ao apontar a câmera para eles, como destacar o email de um anúncio, sem a necessidade de digitá-lo.

Preço e disponibilidade

O Pixel 2 será vendido a partir de US$ 650, enquanto o Pixel 2 XL tem preço inicial de US$ 850. Os celulares serão disponibilizados sem bloqueio, seja ele comprado diretamente pelo Google ou por outros varejistas. A pré-venda começa hoje, e, se você der sorte, o Google também lhe dará um Google Home Mini de graça. Apesar de todas as novidades, a companhia não informou uma data de lançamento para os celulares.