A Nvidia sempre foi focada em jogos com seu chipset Tegra: em seu TegraZone, o destaque são cerca de 30 jogos pensados especificamente para o Tegra 3 – eles prometem mais alguns para o segundo trimestre. Mas depois que a Apple provocou a Nvidia, dizendo que o novo chipset A5x é mais rápido que o Tegra 3 e demonstrando nele tanto jogos quanto apps – como o novo iPhoto – a Nvidia deixou claro em seu blog oficial que o Tegra 3 não se trata apenas de jogos: você pode editar vídeos e fotos no seu tablet em apps THD, e até jogar Skyrim mesmo longe do PC.

O app mais impressionante é o Splashtop THD, que permite jogar games de PC no seu tablet: o app recebe as imagens e sons do seu PC (ou Mac) e você controla o jogo através de botões virtuais na tela. Isso já era possível com outra versão do app, pensada para tablets Tegra 2, mas com o novo app devemos ver um melhor desempenho e maior otimização – palavra-chave para realmente aproveitar avanços de hardware. E, assim como em outras versões do app, você também pode controlar programas como pacote Office, ouvir música e ver vídeos do PC, então realmente o Splashtop não se trata apenas de jogos. O novo app, lançado semana passada, é compatível apenas com tablets Tegra 3 rodando Ice Cream Sandwich, e custa R$12.

Para edição de fotos, o Snapseed promete ser “um dos editores de foto mais fáceis de usar e mais intuitivos” para tablets com Tegra 3 – diferente do iPhoto para iPad. De fato, a interface é bem simples: escolha uma foto, escolha um efeito e toque na foto para aplicar o efeito. Você pode editar partes específicas, e o processamento da imagem parece quase instantâneo. Ele até trabalha com arquivos RAW! O Snapseed será lançado no próximo trimestre. O Photaf Panorama já estava disponível há algum tempo, mas sua nova versão THD – já disponível por R$7 – é otimizada para tablets Tegra 3, permitindo criar panoramas 360° com maior fluidez.

Para edição de vídeos, a Nvidia mostra o PowerDirector Mobile: você escolhe os vídeos a transformar em uma só apresentação, escolhe o estilo para reunir os vídeos, e pronto – o resultado final fica pronto em segundos. O app parece ser bem simples, com menos recursos que, por exemplo, o iMovie no iPad, mas só teremos certeza quando ele for lançado no terceiro trimestre.

Se o Tegra 3 está perdendo nos benchmarks – ele tem desempenho menor que o Apple A5 do iPad 2 – será que ele pode ganhar em versatilidade? [Nvidia via Android and Me]