"Vocês estão amadurecendo em um ambiente de mídia ininterrupta, 24 horas por dia, que nos bombardeia com todo tipo de conteúdo e nos expõe a todo tipo de argumento, alguns dos quais não marcam muitos pontos na escala da veracidade. E com iPods e iPads, e Xboxes e PlayStations — nenhum dos quais eu sei mexer — a informação se torna uma distração, uma diversão, uma forma de entretenimento, em vez de uma ferramenta para fortalecimento, em vez de uma maneira de emancipação. Tudo isso não está apenas colocando pressão sobre vocês; está colocando uma nova pressão no nosso país e na nossa democracia.

Mas e quanto a todos os empregos que são criados não apenas pelo iPad, mas por todas essas plataformas? Toda a inovação que está sendo trazida aos desenvolvedores e consumidores enquanto os tablets, touchscreens e smartphones continuam a se popularizar?

Não se pode descontar e esquecer de coisas assim só porque, como pode acontecer com qualquer coisa, algumas pessoas se viciam e ficam igual a zumbis, assistindo filmes da Netflix nos seus iPads. Certo? CERTO? [Huffington Post]