Para algumas empresas, o logotipo e o branding são tão importantes que elas gastam até milhões para criá-los. Outras empresas apostam em algo mais simples e acabam gastando bem menos. Mas engraçado que as empresas que gastaram pouco acabam tendo as marcas mais reconhecidas.

Empresas como a petrolífera BP gastam US$211.000.000 (sim, são todos esses zeros) para reformular sua marca: só o logotipo custou US$7,1 milhões. Enquanto isso, a Coca-Cola tem basicamente o mesmo logotipo há décadas. A lição aqui é: empresas, acertem seu logotipo de primeira – você economiza uma bolada no futuro.

A StockLogos reuniu o custo de criar logotipos para diversas empresas famosas. Mostramos algumas abaixo, e a lista completa está no link a seguir: [Stock Logos via Design Taxi]

Sergey Brin criou o logotipo original no Gimp. Ele foi alterado depois, mas o conceito original – como a sequência de cores – permanece até hoje.

Em 1986, Steve Jobs pagou US$100.000 para o designer gráfico Paul Rand criar o logotipo da NeXT. Rand também criou o clássico logotipo azul da IBM.

Criado por Simon Oxley em 2009; foi substituído por um conceito semelhante.

US$35 é pouco para o ✔ mais famoso do mundo, criado em 1975. Mas a Nike deu ações da empresa à criadora do logo, Carolyn Davidson, que agora valem US$600.000.

O logotipo foi redesenhado em 1997. A BBC já passou por diversos logotipos, mas este parece o mais atemporal de todos.

O logotipo da Pepsi mudou muitas vezes, como você pode ver aqui. O mais recente é este, de 2008.

A Coca-Cola mantém basicamente o mesmo logotipo desde 1885. Eis a história das pequenas mudanças no logotipo.

Criado por Wolff Ollins, isso ainda parece a Lisa Simpson ajoelhada em frente a… alguma coisa.