Quando as pessoas me perguntam que dispositivo de streaming comprar, minha reação inicial sempre é dizer: “pega logo um Roku”. Mas depois de usar o fantástico (e barato!) Fire TV Stick, acho que minha recomendação possa mudar. Por R$ 289, o novo Fire TV Stick é um incrível dispositivo de streaming que quase rivaliza com o Roku pela facilidade de uso.

Em relação a dispositivos de streamings, o Fire TV Stick sempre foi bastante sólido. É uma maneira barata de conseguir conteúdo em 1080p, funciona como qualquer outro set-top box, conectando-se à sua TV por uma porta HDMI, e até vem com um extensor HDMI se você tiver umas portas esquisitas. Mas outros Fire TV Sticks eram um pouco lentos e difíceis de serem recomendados em comparação com o Roku Stick ou o Roku Express (nenhum deles disponível no Brasil).

Agora, o dispositivo da Amazon é mais inteligente e barato em relação a outros concorrentes. O mais recente Fire TV Stick tem um processador quad-core, que permite abrir uma série de aplicativos muito rapidamente, como Netflix, YouTube, além de alguns jogos. Ele também inclui Wi-Fi 802.11ac.

Mas ele ainda fica atrás de alguns concorrentes quando se trata de navegação por conteúdos. Isso porque a Amazon baseia seu Fire TV Stick na sua plataforma Fire OS, também conhecida como Android. Maioria dos aplicativos e canais foram projetados para telefones ou tablets Android, o que significa que eles nem sempre ficam incríveis na tela grande, mas funcionam bem com o controle remoto que vem incluído; e a reprodução de vídeo é perfeita.

Vale apontar que, nos Estados Unidos, com a Alexa, o dispositivo ganha ainda mais pontos positivos. A assistente digital, por lá, funciona com mais de 90 aplicativos parceiros na busca por voz, facilitando sua escolha de filmes e séries a assistir. Uma vantagem que os brasileiros terão que ver de longe, já que a Alexa não chegou ao País.

No ecossistema de conteúdo, a Amazon ainda tem um caminho a percorrer com seu Prime Video, mas está chegando lá. Por R$ 289, no entanto, o Fire TV Stick ainda assim aparece como concorrente bastante interessante para o Chromecast 2. E com preço de lançamento consideravelmente mais baixo que o competidor (que teve preço sugerido de R$ 399 em seu lançamento).

RESUMO

  • Qualidade de vídeo é muito boa
  • Funciona com Wi-Fi 802.11ac
  • Sem opções de armazenamento externo, mas tem 8GB de memória embutida para seus apps e games
  • Funciona com um joystick opcional se você quiser jogar jogos básicos no dispositivo

Todas as imagens: Alex Cranz/Gizmodo