A rede 4G ainda engatinha no Brasil, mas a Samsung parece ansiosa em lançar modelos para a conexão mais rápida. Ela anunciou mais dois produtos com suporte ao LTE brasileiro: além do tablet Galaxy Note 10.1 4G, temos o smartphone Galaxy Express.

O Galaxy Express possui tela Super AMOLED de 4,5″ com resolução 480 x 800 pixels, o que o coloca no segmento intermediário.

Na verdade, ele é bastante parecido com o Galaxy S III Mini, não só no design: a câmera traseira de 5MP com flash é a mesma, assim como os 8 GB de armazenamento e 1 GB de RAM; seu processador dual-core de 1,2GHz tem clock apenas levemente maior; e ambos rodam Android Jelly Bean 4.1.

A maior diferença talvez esteja no tamanho maior, o que talvez ajude a abrigar a bateria (também) maior de 2.000mAh – necessária, já que o 4G consome mais energia que o 3G. Sua tela é maior, o que significa densidade de pixels menor, já que a resolução é a mesma.

O Galaxy Express chega ao mercado com preço sugerido de R$1.349. Poucos smartphones Android no Brasil têm suporte a 4G: por enquanto, só o Motorola Razr HD – com especificações superiores e preço similar -, o Sony Xperia ZQ e o Galaxy S III 4G. (Incluindo os Windows Phones, temos também o Lumia 920 e 820.)

samsung-GALAXY-Note-10.1

A Samsung também anunciou a versão 4G do seu tablet Galaxy Note 10.1. A configuração é a mesma dos outros modelos: processador Exynos quad-core de 1,4 GHz, chip gráfico parrudo e 2 GB de RAM. Ele vem acompanhado por uma caneta stylus com 1024 pontos de pressão, feita em parceria com a Wacom.

O Galaxy Note 10.1 4G chega às prateleiras por R$2.199. Também há as versões 3G (R$1.799) e Wi-Fi (R$1.599). [Samsung via Tecnoblog]