Ah, isto é muito interessante: o Smokescreen, escrito por Chris Smoak, é um "Flash player escrito em JavaScript", que pega os objetos em Flash e os converte em JavaScript em tempo real.

O que isso significa? Bem, isto quer dizer que é possível rodar Flash onde ele não é suportado, como no iPad. É assim que ele funciona:

Ele roda completamente no navegador, lê os [arquivos] binários em SWF, descompacta-os (em JS nativo), extrai as imagens e audio incorporado e os transforma em data:URIs codificados em base 64, então reúne os gráficos vetoriais como um SVG animado.

Impressionante! Você pode ver um exemplo do Homestar Runner no site do Smokescreen, e ele roda muito bem.

Um problema, no entanto, é que o Smokescreen é um pouco pesado, e possui mais de 8.000 linhas de código e cerca de 175KB, o que pode reduzir o desempenho de celulares e iPads. Mas o código deve ser aberto no futuro próximo, então ele poderá ser ajustado para rodar liso em dispositivos móveis, quem sabe. Eu curti. [Smokescreen via Simon Willison via Jim Ray via Marco.org]