O Snapchat está prestes a ficar muito mais adorável. A empresa acabou de lançar uma grande atualização nesta terça-feira, apresentando sua tão aguardada função “World Lenses”, dando às pessoas a possibilidade de soltar objetos 3D digitais em cenas do mundo real. Embora a função seja, sem dúvidas, de realidade aumentada, o Snapchat curiosamente não menciona essa expressão em seu anúncio oficial.

• Cientistas fazem usuários de realidade virtual “sentirem” paredes inexistentes com choques
• “Snapchat é para ricos”: A suposta frase que despertou a mais nova crise do aplicativo

O novo “World Lenses” pode ser acessado a partir da tela inicial, quando você abre o aplicativo, e, surpreendentemente, não requer nenhum hardware adicional ou câmeras especiais. Os novos filtros deixam você fazer uma dessas três coisas: arremessar flores em uma cena, colocar algum texto 3D psicodélico, como “OMG”, ou acrescentar pequenos objetos bonitinhos 3D, como um arco-íris sorridente. Adorável!

O mais legal dessa nova função é que ela simplesmente parece funcionar como mágica. Eu esperava que ela fosse um pouco complicada, com uma curva de aprendizado íngreme ou com exigências de iluminação específicas, mas, na maior parte do tempo, consegui abrir o aplicativo e imediatamente começar a brincar com os novos recursos.

kwmafmjzpui7rkgzjq6e

Imagem: Mike Nunez/Gizmodo

Nem todo mundo concordou. A editora de reviews do Gizmodo, Alex Cranz, foi crítica da minha apreciação, dizendo “não acredito que isso seja motivo para empolgação. Vocês não jogaram Pokémon Go, não?”, acrescentando depois que “o [Project] Tango é melhor”.

Ela tem razão. Essa atualização não é exatamente um salto gigante, tecnologicamente falando, mas certamente parece um. E mesmo que não seja uma atualização muito importante, é um dos raros avanços em que a experiência consiste simplesmente em diversão, sem nenhuma complicação irritante para poder funcionar. Pode não ser tão sofisticado quanto algo como o Project Tango, mas, de fato, demonstra a realidade aumentada melhor que (o frequentemente cheio de problemas) Pokémon Go.

Posicionar um objeto no Snapchat funciona de maneira parecida com a função de colocar alguns dos filtros de selfie que já existem no aplicativo. Quando você tocar a tela, verá brevemente um mapa de vetor que te mostra o que o telefone está de fato processando. A habilidade do Snapchat de mapear tridimensionalmente uma configuração é bem impressionante, especialmente já que consegue fazer uma tarefa tão complicada com uma câmera de celular normal.

ubcspusgle8us2ehd9o0

Imagem: Mike Nunez/Gizmodo

Minha parte favorita desses novos filtros, e talvez a mais impressionante tecnologicamente, é que uma vez que eles são posicionados, você pode, de fato, andar ao redor de objetos digitais e ver sua parte de trás. Em alguns casos, isso faz o objeto ficar ainda mais maneiro. Entramos em contato com o Snapchat para mais informações sobre como os novos filtros funcionam e vamos atualizar a nota se tivermos uma resposta.

Se você pensa que isso frustra o plano do Facebook de acabar com o Snapchat copiando todos seus movimentos, pense de novo. O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, também apresentou uma plataforma de realidade virtual para sua rede social, o Facebook Spaces.