O MyFitnessPal permite a você acompanhar quantas calorias você consome por dia; enquanto o Endomondo acompanha sua atividade física e sugere rotinas de exercícios. Agora, ambos pertencem à Under Armour, que quer criar “a maior comunidade digital de saúde e fitness no mundo”.

A Under Armour é uma empresa americana de roupas e equipamentos esportivos. Ela vem apostando forte em tecnologia fitness: em 2013, a UA comprou o serviço MapMyFitness por US$ 150 milhões.

Esta semana, ela anunciou a compra do MyFitnessPal por US$ 475 milhões, e do Endomondo por US$ 85 milhões. No total, ela adquiriu uma base de 120 milhões de usuários. Enquanto isso, a plataforma online Nike+ tem pouco mais de 18 milhões de usuários.

Por enquanto, os apps devem continuar funcionando de forma independente, mas seus recursos serão integrados ao app UA Record.

Under Armour - dispositivos

Em suas lojas próprias, a Under Armour já vende dispositivos fitness como a pulseira Jawbone Up24 e o monitor de atividade física Misfit Shine – eles são compatíveis com o app UA Record. Rumores dizem que a empresa está trabalhando com a HTC em um novo smartwatch a ser lançado em março, também compatível com o app.

Tudo isso significa que a Under Armour pode ser uma forte concorrente na guerra pelos seus dados de saúde pessoal. Grandes empresas como Google, Microsoft e Apple já perceberam que esses dados podem ser muito úteis e muito rentáveis: basta revendê-los a pesquisadores e empresas de biotecnologia, após remover itens que possam identificar você.

Para obter dados de sua saúde, qual lugar seria melhor que o smartphone e dispositivos de fitness que você pode usar todo dia? Agora, uma empresa de roupas esportivas pagou caro para entrar nesse mercado.

UA Connected

A Under Armour começou em 1996, e cresceu forte após suas roupas aparecerem nos filmes Um Domingo Qualquer e Virando o Jogo. Anos depois, ela passou a fornecer uniformes para muitos atletas da NFL, liga de futebol americano.

Desde então, ela vem se expandindo para outros esportes, incluindo o futebol. Ela fornece material esportivo para o Tottenham, clube de futebol do Reino Unido; e no final de 2014, fechou acordo com o São Paulo – a partir de maio, ela será a responsável pelo uniforme do tricolor. Ela também quer vestir o Inter, que hoje tem contrato com a Nike. [Under Armour via The Next Web]