Pesquisadores do Centro de Display Flexível da Universidade do Arizona, em parceria com os militares, desenvolveram a primeira tela flexível sensível ao toque. Ela foi feita basicamente para aplicações militares e foi construída com  um vidro forte o suficiente para aguentar o uso no campo de batalha.

O truque foi usar um material especial da DuPont Tijin Films em vez de um vidro qualquer. Deste modo,  o display (que é tão fino como papel) pode ser dobrado ou enrolado sem qualquer dano. O gadget também usa tecnologia da E-ink Corp, permitindo que os usuários escrevam, armazenem e apaguem seu próprio material diretamente no display. Eventualmente, também será lançada uma versão em cor (essa é PB). Embora isso pareça realmente legal, não fique com expectativas muito altas. Os caras do Centro de Display Flexível acreditam que o display só vai ficar disponível em 18 meses. [EETimes via Electronista]