Tá vendo aqueles pontinhos pretos espalhados ao redor da turbina deste Boeing? É só parte de uma imensa revoada de pombos atingindo a sua fuselagem e turbina enquanto ele decolava a 320km/h. Cerca de 200 pássaros foram sugados e triturados pela turbina.

De acordo com o fotógrafo, Juergen Kienast, o som dos motores enquanto os pombos eram sugados foi ensurdecedor:

O ruído agudo do motor dizia tudo. Foi como enfiar um pedaço de cano de metal em um liquidificador.

Diferente do Airbus do Hudson River, os passageiros e tripulação deste voo deram sorte: não foi necessário nenhum tipo de pouso de emergência. Os pássaros, porém, não tiveram tanta sorte. Alguns foram jogados contra a fuselagem enquanto outros viraram purê de pombo nas turbinas. Triste, mas melhor eles que as 200 pessoas a bordo. [Daily Mail]