A água na Lua não tem nada de especialmente revelador. Mas um novo estudo sugere que a H2O na superfície do vizinho mais próximo da Terra vem de um lugar bem inusitado: o Sol.

O estudo, publicado na revista Nature Geoscience, sugere que o hidrogênio ejetado da atmosfera do Sol é levado para a Lua em ventos solares. Quando cai em solo lunar, ele reage com o oxigênio, produzindo água.

Para descobrir isso, pesquisadores analisaram um material semelhante a vidro trazido da Lua, e encontraram evidências de moléculas de hidrogênio e oxigênio reagindo dentro desse material.

Uma série de outros estudos observaram água na Lua, mas suas origens nunca foram claras. Alguns especulam que a água tenha chegado à Lua através de meteoritos e cometas de gelo, que podem acertar em cheio nosso satélite natural porque ele não tem uma atmosfera para lhe proteger.

Esta nova descoberta, no entanto, coloca a outra teoria em dúvida. Ainda não está claro qual a porcentagem de solo na Lua que possa conter água “solar”, mas esta é uma descoberta importante e promissora: ela poderia indicar que outros corpos celestes sem atmosfera também poderiam abrigar água – e, quem sabe, vida?

Bem, a presença de água é fascinante, mas quem estiver esperando que isso sinalize mais chances de viver em uma base lunar não está com sorte hoje. “Eu acho que há uma chance muito remota disso acontecer, pois extrair a água pode gerar tantos problemas que nem valeria a pena”, disse o geoquímico Ross Taylor à Cosmos. Os cientistas andam estragando muito a nossa festa… [Nature Geoscience via Cosmos]

Foto por lrargerich/Flickr