O Kindle Paperwhite é um e-reader bem sensacional. Mas ele não está livre de problemas! Os usuários têm reclamado de iluminação irregular no Paperwhite e outros detalhes e isso gerou tanta repercussão que a Amazon decidiu responder.

Em uma declaração, a Amazon falou sobre três problemas sobre os quais as pessoas reclamam a respeito do Paperwhite: a falta de áudio, o pouco espaço interno e os problemas de iluminação. Com a palavra, a Amazon:

  • O Kindle Paperwhite não tem áudio ou ditado dos livros. Isso faz o dispositivo ser menor e mais leve do que de outra forma. Áudio e um motor de ditado melhorado estão disponíveis no Kindle Fire e no Kindle Fire HD.
  • Sob certas condições de luz, a iluminação no rodapé da tela da luz embutida não fica perfeitamente uniforme. Veja exemplos de como a luz se apresenta sob diferentes condições. Essas variações são normais e estão localizadas principalmente na margem onde não há texto. A iluminação é mais regular do que a criada por uma lâmpada de leitura ou capa com luz. O contraste, a resolução e a iluminação da tela do Paperwhite é uma melhora significativa em relação à geração anterior.
  • O Kindle Paperwhite tem 2 GB de espaço. Alguns modelos anteriores do Kindle tinham 4 GB. 2 GB permite a você carregar até 1100 livros localmente, em seu dispositivo. Além disso, a sua coleção inteira do Kindle fica guardada, de graça, na nuvem da Amazon, e você pode facilmente mover livros entre a nuvem e seu dispositivo.

Esses são problemas que não podem ser resolvidos via atualização, ou seja, se forem detalhes que realmente incomodam os usuários, deverão ser consertados na próxima geração do Kindle. Além deles, vale a pena conferir os pitacos de John Gruber sobre o Paperwhite. O review dele ficou bem crítico, mas tocou em pontos que praticamente passaram batidos em outros, em especial os comentários sobre a falta de botões físicos e as escolhas tipográficas da Amazon. [Amazon via VentureBeat, Daring Fireball]