Ano passado, a Anatel tomou uma medida que barateia ligações entre fixo e celular. Agora, o alvo são ligações para celular de outras operadoras. A ideia é aumentar a concorrência… mas como?

Você sabe que ligar para a mesma operadora é mais barato. Na verdade, segundo a Folha, 80% das ligações celular-celular são feitas dentro da mesma operadora. Isso cria o “efeito clube”: muitos preferem entrar na operadora que os amigos usam, não na que oferece o melhor serviço.

A Anatel espera que, reduzindo o preço de ligações para outras operadoras, esse “efeito clube” comece a desaparecer – e a concorrência aumente. Eles pretendem fazer isso reduzindo a tarifa de interconexão (VU-M).

Mas por que a Anatel não fez isso antes? Porque as operadoras adoram essa tarifa: de acordo com a Teleco, em 2011 as operadoras arrecadaram R$20 bilhões com a VU-M. A tarifa foi criada na época das privatizações, como estímulo para as operadoras crescerem. Agora, elas querem manter a tarifa porque a maioria de seus clientes são pré-pago e realizam poucas ligações: com a VU-M, elas podem ganhar recebendo chamadas.

Então a Anatel tem uma queda-de-braço pela frente – que na verdade já dura dez anos – para reduzir essa tarifa. Mas, como a agência tem apoio do governo, a maioria dos conselheiros deve aprovar medidas para reduzir a VU-M, segundo a Folha. O assunto entrará na pauta da Anatel em um mês. [Folha]

Foto por Danilo Urbina/Flickr