O Google mostrou uma versão inicial do Android 3.0, que parece ser bastante otimizada para tablets – incluindo o protótipo da Motorola no qual ele está rodando – e que será lançado mais precisamente "no ano que vem".

De acordo com o Engadget, Andy Rubin – o chefe do Android – revelou tudo isso em sua palestra na conferência Dive Into Mobile do site All Things D, onde ele demonstrou o novo software e hardware. A tela inicial parece ter sido redesenhada levando-se em conta o espaço extra, assim como a nova grade de apps e o novo app do Gmail (que parece a versão otimizada para iPad do Gmail).

Aparentemente o tablet no qual o Honeycomb está rodando não tem botões – o que faz sentido, porque já existem elementos na tela para pesquisa e apps na imagem acima. Rubin também mencionou que o tablet será capaz de realizar chat em vídeo, além de ter processador Nvidia (Tegra 2, talvez?) e um "processador 3D dual core".

O TechCrunch também menciona que você poderá "fragmentar" apps e transformá-los em widgets na tela inicial, o que seria algo rumo à multitarefa que vemos no PC, com várias janelas abertas.

Assista ao vídeo abaixo do tablet com Honeycomb em ação, cortesia do All Things D. [Engadget]