O exército americano está pensando em usar smartphones para ajudar no trabalho tático dos combatentes, controlando robôs e como ferramenta de inteligência. Saiba mais no Sony Ericsson Preview.