O Apple Music agora está disponível na versão web – você pode ouvir música a partir de qualquer navegador em um Mac ou PC. Se você já assina o serviço da empresa da maça e tem usado o iTunes para ouvir suas músicas, a transição será super tranquila – basta acessar music.apple.com, entrar com o seu Apple ID e a versão web estará sincronizada com o iTunes. Se você tem procurado um motivo para deixar de usar o iTunes mas ainda quer manter o seu histórico musical, aqui está.

Mas se você está pensando em trocar de serviço de streaming e passar a usar o Apple Music, principalmente agora que há uma versão web… Vai ser um pouco complicado.



Se já tem uma Apple ID, mas não se inscreveu no Apple Music e não tem o iTunes instalado no seu computador, não poderá simplesmente se registrar a partir do site. Se tentar entrar com o seu Apple ID, receberá esta maravilhosa mensagem:

Página de erro do Apple Music“Não é possível criar um Apple ID neste dispositivo. Tente usar um iPhone, iPad, Mac ou PC”. Captura de tela: Sam Rutherford/Gizmodo

Isso irá acontecer caso você esteja tentando acessar o site a partir de um PC com Windows pelo Chrome, Firefox ou Edge. Essa mensagem de erro não aparece se estiver usando um Mac com Safari ou Chrome. De qualquer modo, você precisará da assinatura do Apple Music para usar o web player, o que me leva ao segundo ponto dessa equação.

Você precisa do iTunes instalado para se registrar no Apple Music e transmitir as faixas pelo web player. É por isso que aparece uma mensagem de erro: não há o importar para o web player se o iTunes não estiver instalado.

A Apple exige uma assinatura – mesmo que seja o teste gratuito – para utilizar o serviço de música. Mas não é possível simplesmente acessar o site do Apple Music para se inscrever. Ainda é preciso ter o iTunes instalado. Neste caso, você verá um pop-up pedindo para abrir o iTunes, se já tiver o software instalado no seu PC.

Se estiver num computador Windows, precisará baixar o iTunes da Windows Store para se inscrever na assinatura do Apple Music. Os usuários de Mac não têm de se preocupar – o iTunes vem pré-instalado com macOS em todas as versões, mas a mais recente, Catalina, inclui um app separado de música.

Com essa grande chatice para os usuários de Windows, não há muito incentivo para as pessoas que não assinam o Apple Music mudarem de um serviço rival como o Spotify.

Tenho usado Spotify há anos e os algoritmos possuem dados suficientes para compreender os meus gostos com uma precisão assustadora – além disso, o web player funciona em todas as plataformas.

O Apple Music tem funcionalidades avançadas em comparação com o Spotify, como descrições de álbuns escritos por humanos. Porém, o Spotify é mais direto para assinar ou simplesmente começar a ouvir música. Você também não precisa pagar pelo Spotify se não se importar em ouvir os anúncios – o Apple Music não tem uma opção gratuita.

Há um lado positivo em toda essa provação: depois de ter a sua assinatura do Apple Music configurada e o iTunes sincronizado com o player web, é possível desinstalar o iTunes sem que isso a versão do navegador. É uma boa notícia para quem prefere morrer ou usar o Winamp do que manter o iTunes instalado.

Entramos em contato com a Apple para obter esclarecimentos sobre as nossas dificuldades na criação de uma conta do Apple Music pela web e atualizaremos quando ou se a empresa responder.