Apple e Samsung hastearam a bandeira da paz, após anos travando batalhas nos tribunais: as duas empresas concordaram em pôr fim à guerra de patentes fora dos EUA.

>>> Como Apple e Samsung iniciaram a longa batalha judicial por violação de patentes

Segundo a Bloomberg, as duas empresas explicam em uma declaração conjunta que decidiram retirar os processos por patentes na Austrália, Japão, Coreia do Sul, Alemanha, Holanda, Reino Unido, França e Itália – todos serão abandonados. As duas empresas escrevem:

“Apple e Samsung concordaram em se retirar de todos os litígios entre as duas empresas fora dos EUA. Este acordo não envolve quaisquer acordos de licenciamento, e as empresas continuam nos casos existentes em tribunais americanos.”

Ou seja, a situação ainda não é de completa paz: afinal, os processos nos EUA são os maiores em termos financeiros – no total, eles já renderam US$ 1,05 bilhão à Apple. Os casos em outros países, por outro lado, são café pequeno, e aparentemente não envolveram nenhuma troca de dinheiro entre as empresas.

Mas a notícia poderia, quem sabe, ser uma indicação de que elas estão saindo aos poucos do campo de batalha das patentes. E não seria a primeira vez: em junho, a Apple desistiu de um processo específico de infração de patentes contra a Samsung; e em maio, Apple e Google fizeram acordo extrajudicial sobre patentes da Motorola nos EUA.

Este não é o fim da guerra jurídica entre Apple e Samsung mas, pelo menos, está indo na direção certa. [Bloomberg]