A Boeing e a Força Aérea dos EUA continuam avançando na pesquisa da arma laser aerotransportada de alta energia, o 747-400F modificado que é projetado para derrubar mísseis conforme voam em direção aos seus alvos. Na semana passada eles dispararam todo o sistema laser pela primeira vez na Base Edwards da Força Aérea em Califórnia.

Apesar do laser já ter sido testado antes, esta foi a primeira vez que eles de fato operaram a coisa toda como se estivessem derrubando o alvo de verdade. Este teste disparou o laser a partir de um gerador traseiro para o sistema de controle do feixe, que saiu da aeronave pela torre de tiro acoplada ao nariz e atingiu um alvo simulado de um míssil balístico.

O próximo teste – a ser executado no ano que vem – será disparar contra e derrubar um míssil balístico de verdade.