2011, como dissemos, deve ser o ano dos tablets. No Brasil, já temos o iPad e estamos esperando pelo Motorola Xoom em abril; agora, a Asus anunciou que vai lançar quatro tablets por aqui este ano. Primeiro deve chegar o Eee Slate, que a empresa diz ser “o tablet mais potente do mundo”, com processador Core i5 e rodando Windows 7. Depois vêm três tablets rodando Android 3.0 Honeycomb.

É, o Eee Slate é um monstro, um sonho realizado pra quem queria um laptop potente sem teclado. Ele tem tela de 12,1 polegadas com resolução 1280×800, 4GB de RAM, armazenamento de 32 ou 64GB expansível via cartão SDXC, câmera frontal de 2 megapixels, além de Wi-Fi 802.11n, Bluetooth 3.0, duas portas USB 2.0 e saída mini HDMI. Tudo em apenas 1,1kg e 1,7cm de espessura! (E apenas 3h de duração de bateria.)

Ele tem três formas de input: a tela sensível ao toque, uma caneta para a tela capacitiva, e o teclado Bluetooth (que acompanha o produto). Ele custa US$999 nos EUA e, segundo a Folha, chega no Brasil até junho por cerca de R$2.500.

Mas se você procura tablets com Android, a Asus quer trazer três modelos com o robozinho no segundo semestre – mais especificamente, o Honeycomb, versão feita especialmente para tablets. E cada aparelho tem um formato diferente:

– o Eee Transformer é um tablet de 10,1″ com teclado físico que se encaixa nele. Ele tem bateria de 8 horas; se você encaixa o teclado, esse número vai para 16 horas! Ele tem processador dual-core Nvidia Tegra 2, duas câmeras, modelos de 16GB e 32GB SSD, e vai custar a partir de US$399 quando for lançado em abril nos EUA.

– o Eee Slider é um tablet de 10,1″ com teclado QWERTY slider. Por quê? Porque sim! E apesar do teclado, ele é fino (1,27cm) mas é um tanto pesado (1kg). Assim como o Transformer, ele tem Nvidia Tegra 2, duas câmeras, modelos de 16GB e 32GB SSD, leitor de cartão MicroSD, e vai custar a partir de US$499 quando for lançado nos EUA em maio.

– o Eee MeMO já é mais normal: tem 7 polegadas, processador Snapdragon, duas câmeras, e faz ligações. Ele será lançado em junho nos EUA, custando a partir de US$499.

Os três aparelhos vão rodar Android 3.0 Honeycomb com uma interface proprietária (ugh), chamada My Wave. Com eles, a Asus quer entrar no mercado de tablets no Brasil, que deve chegar a 300 mil unidades até o fim do ano. No Brasil, o Eee Slate chega até junho, provavelmente a partir de R$2.500; os modelos com Android ficam para o segundo semestre, ainda sem preço em reais. [Folha]

Foto inicial por Windows Experience Blog