Às vezes você quer apenas descansar os olhos. Para tanto, resolve olhar pela janela e só então se dá conta de que vive na cidade, em um bairro meio deprê ou algo do tipo. Depois você resolve assistir a vídeos da natureza. Sábia decisão.

Tempestades solares são tão fantásticas que é difícil imaginar que elas sejam reais, ainda que você as veja por si mesmo. Este vídeo mostra uma labareda solar ocorrida no começo do mês nas manchas solares AR1692. O vento solar que atingiu a Terra no dia 17 de março resultou nesta aurora boreal, registrada durante quatro horas pelo fotógrafo Göran Strand (é ele ali embaixo). O vídeo é composto de 2464 imagens RAW, que contabilizam 40 GB. Se ao olhar pela sua janela só dá para ver concreto ou ruas cheias de carros, este vídeo é uma boa oportunidade para fugir desse lugar. [Geekosystem]



Aurora boreal de quatro horas.