Um cara de 25 anos invadiu a casa de uma mulher em Nova Jersey, EUA, e em vez de pegar as coisas e vazar dali, ele tirou uma pausa para pornô no meio do roubo, no computador da sala de estar da vítima.

O homem, Dwan Koonce, foi acusado de invasão de propriedade em segundo grau, roubo em primeiro grau, e acusações de terceiro grau por ameaças terroristas  (como é?) e posse de arma para propósito não-legais. Depois que ele invadiu a casa, a mulher de 42 anos o encontrou vendo pornografia na sala de estar. Ele a ameaçou com uma faca (o que pode ser o "ataque terrorista"), então pegou US$100 em dinheiro, algumas joias, as chaves do carro dela, e o celular. Ela está bem; ele está atrás das grades. [NJ.com]

Crédito da imagem: Shutterstock