Pesquisadores exibiram um protótipo de uma nova célula eletroquímica biológica que produz energia da mesma forma que a gente: quebrando açúcares e gorduras e transformando-os em algo um pouco mais útil.

Os protótipos de baterias de biocombustível funcionam com mitocôndrias, aqueles pequenos componentes biológicos das células que geram energia para nosso metabolismo. Uma camada delas entre duas camadas de eletrodos resultaram em energia utilizável, gerada depois que as corajosas mitocôndrias foram alimentadas com açúcar ou óleo usado de cozinha.

Shelley Minteer, Ph.D., disse sobre as novas células que "quando melhor desenvolvidos, estes dispositivos têm o potencial de substituir baterias descartáveis e recarregáveis em uma variedade enorme de eletroeletrônicos para consumidores e outros produtos. Este é o primeiro dispositivo do tipo baseado em partes microscópicas de bilhões e bilhões de células que compõem o corpo." [Newswise via Inhabitat]