Concordemos: a produção acadêmica continua frenética e é hora não só de digitalizar tudo para guardar de forma mais segura, mas também de abrir o conteúdo ao público geral. A Open Archives Iniciative, que já convenceu 1.200 universidades a liberarem suas publicações, é uma solução interessante. E ela ganhou uma versão nacional, por meio da universidade Gama Filho.

Como uma verdadeira grande biblioteca, mas sem estantes enormes e corredores claustrofóbicos, a Biblioteca Digital tem artigos e publicações de todos os gostos e focos. Além de conseguir unir publicações de importantes universidades brasileiras, como a USP, UNB, FGV e Unicamp, há também periódicos, dissertações e teses de Harvard, Yale, Cambridge e outra dezena de universidades estrangeiras bem famosinhas. No total, são mais de 550 mil artigos de 59 países diferentes no OAI.

E para não ficar apenas no foco acadêmico, há também versões digitalizadas de um bom número de bibliotecas nacionais, como das Bibliotecas Nacionais de Paris e do Porto. O sistema em si é exageradamente simples, mas prático, e o sistema de busca não decepciona, para não inibir os mais leigos. E não importa se você seja professor, estudante, acadêmico, webdesigner, mendigo ou figurante do Nosso Lar. Este link tem obrigação moral de estar entre os seus favoritos. [Biblioteca Digital]