Já faz um bom tempo que o Bluetooth está por aí, conectando dispositivos para transferir arquivos ou tocar música. A conexão deve ganhar mais uma utilidade em breve: localizar objetos perdidos de maneira bem precisa. Com o padrão 5.1, anunciado esta semana, será possível descobrir para que lado e a que distância está o objeto procurado.

Hoje, é possível estimar a distância de um objeto usando a força do sinal, mas é um método bastante inexato. Como lembra o Verge, a precisão fica entre um e dez metros, o que, em alguns casos, não ajuda muito — no máximo, você recebe uma indicação de “está quente” ou “está frio” com base na intensidade das ondas.

Com o novo recurso desenvolvido pelo Bluetooth Special Interest Group, a organização responsável pela definição de padrões da conexão, vai dar para saber para que lado está o aparelho e a que distância, com precisão de centímetros. Como explica o GSMArena, isso será feito usando múltiplas antenas para captar o sinal.

Estamos falando aqui de encontrar coisas, mas, claro, há outras aplicações possíveis, como navegação e localização dentro de grandes lojas, por exemplo, e usos para marketing com os chamados beacons.

O Bluetooth SIG diz que o recurso já está disponível em seu kit para desenvolvedores. Resta saber quanto tempo vai demorar para encontrarmos aparelhos habilitados, já que, ainda hoje, mesmo depois de dois anos do anúncio, o Bluetooth 5.0 não vem em todos os aparelhos com a tecnologia.

[Bluetooth SIG via Verge e GSMArena]