No ano passado, a Bose descontinuou os fones com mascaramento de ruído Sleepbuds, depois que usuários reclamaram de problemas no carregamento do dispositivo. No entanto, a fabricante parece não ter desistido do acessório e, nesta terça-feira (22), anunciou a segunda geração dos fones intra-auriculares – agora com uma nova bateria e mais conforto, já que a principal proposta do aparelho é seu uso durante o sono.

De acordo com a empresa, os Sleepbuds II estão ainda mais leves e confortáveis do que a primeira versão, além de oferecerem mais autonomia: são até 30 horas usando o estojo de carregamento, que também ganhou um design mais moderno, feito em alumínio anodizado. A case é tão leve que pesa menos de um centavo.

Os fones também estão menores, medindo apenas um quarto de polegada de profundidade. Eles ainda trazem pontas de orelha redesenhadas, disponíveis em três tamanhos, para se adequar a diferentes tamanhos de ouvido. Mesmo as pessoas que dormem de lado devem conseguir adormecer sem que os fones grudem em seus ouvidos.

Bose anuncia segunda geração dos Sleepbuds. Crédito: Bose

Crédito: Bose

Um estudo do Campus Médico Anschutz, da Universidade do Colorado, e do Care Innovation Center (ambos nos EUA) realizado em parceria com a Bose descobriu que os Sleepbuds II são clinicamente comprovados para ajudar as pessoas a adormecerem mais rápido, com 80% dos participantes do estudo relatando “uma melhora geral na qualidade do sono”.

Lembrando que a Bose financiou a pesquisa, então era pouco provável que algo negativo saísse do estudo.

Para os Sleepbuds II, a Bose afirma que também melhorou o recurso de mascaramento de ruído, projetado para encobrir sons potencialmente perturbadores em vez de usar algo como cancelamento de ruído ativo para eliminar o barulho.

No entanto, é importante não confundir os Sleepbuds II com outros fones de ouvido wireless. Ao contrário dos fones normais, os Sleepbuds II não permitem que você ouça músicas do seu smartphone ou computador. Em vez disso, os usuários podem selecionar entre 35 faixas armazenadas nos próprios Sleepbuds, que incluem diferentes tipos de sons tranquilizantes que ajudam a induzir o sono.

Isso limita as capacidades do acessório, já que, embora uma música com efeito calmante seja boa, para qualquer pessoaque prefere ouvir podcasts ou filmes para ajudar a adormecer, os Sleepbuds II são apenas uma solução parcial. Com os Sleepbuds de primeira geração, a Bose disse que a razão para não suportar áudio Bluetooth padrão era porque a adição de rádios sem fio aumentaria o tamanho dos fones e afetaria o conforto geral.

Bose anuncia segunda geração dos Sleepbuds. Crédito: Bose

Crédito: Bose

Para as pessoas que querem ouvir música, podcasts ou filmes para ajudar a adormecer, descobri que os fones de ouvido mais confortáveis ​​para dormir são o Samsung Galaxy Buds Live, o Google Pixel Buds e os AirPods básicos da Apple – exatamente nesta ordem de conforto. Dito isso, embora todos os três fones de ouvido sem fio sejam relativamente pequenos em comparação com outros concorrentes, como o WF-1000XM3 da Sony, eles ainda podem machucar seus ouvidos se você dormir de lado.

A outra desvantagem potencial é o preço dos novos Sleepbuds: US$ 250 (cerca de R$ 1.370 na conversão atual). Mesmo assim, se você está procurando por fones superpequenos para usar enquanto dorme, sem se importar em ouvir sempre os mesmos sons padronizados, os Sleepbuds II são uma das poucas soluções disponíveis no mercado.

Os Sleepbuds II já estão disponíveis para pré-venda nos Estados Unidos. O lançamento está marcado para 6 de outubro.